A meta suprema

Muitas pessoas passam suas vidas inteiras buscando realizar sonhos, atingir determinadas metas e objetivos, tudo em busca da realização pessoal, afetiva, profissional, material e espiritual.
Todos nós estamos aqui para experimentar a realidade material como criadores divinos, e através de nossos pensamentos, sentimentos e especialmente nossas ações, estamos dia a dia desenhando nosso caminho para a iluminação. Cedo ou tarde, todo SER será conduzido à uma vontade irresistível de conhecer a verdade universal, e de vivenciar a união plena com Deus, Fonte Absoluta de todo o AMOR e Sabedoria. Esta é a meta suprema de todos os seres, atingir a plenitude de AMOR e consciência, vivenciando plenamente a “autorrealização do SER”, conhecendo intimamente a vibração de Deus, o AMOR onipresente, onisciente e onipotente.

Todos nossos sonhos e criações são experiências que nos preparam para este contato íntimo com o divino, e a cada realização, nos sentimos mais felizes e plenos, e vibracionalmente, vamos nos aproximando desta energia de plenitude, paz e AMOR.
A meta suprema é atingir a consciência da vida eterna, e despertar a consciência para a verdade, reconhecendo nossa essência como filhos e filhas do AMOR, a essência de Deus.
O autoconhecimento é a chave que nos permite conhecer plenamente nosso papel neste “quebra-cabeças divino”, onde somos todos partes igualmente importantes que compõe a mesma unidade. Através de nossos talentos e características individuais, oferecemos nossa colaborações genuína para a esta “obra de Deus”, atinja seu potencial máximo de beleza e plenitude.
Que no dia de hoje, cada ser humano possa reconhecer em seu interior esta ligação com Deus, realizando seus sonhos e metas diariamente, com a certeza de que estamos cada vez mais próximos da meta suprema, de SER o AMOR e viver essa energia em todas nossas relações.

Mautama Krishnarabi

This entry was posted in Ensinamentos de Krishna, Pensenes Espirituais. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta