Meditação e essência

Ao estudar o Bhagavad Gita, nos deparamos com um manual completo do caminho espiritual do “Sanaatan Dharma”, a “Religião Eterna”, que traz ensinamentos transcendentais, atemporais e universais que podem ser aplicados diariamente em nossas vidas independentemente de nossa religião ou sistema de crenças. Para os yogues, a chave desta conexão está na prática correta da meditação.

“Daqueles que, ao meditar; tomam-Me por sua própria essência, com o coração permanentemente unido a Mim graças ao culto interior incansável, supro as deficiências e torno permanentes os ganhos.” (Bhagavad Gita 9:22)

Nesta passagem, Krishna garante a Arjuna que a meditação é o caminho interior para unificar nossa consciência com a energia do “Senhor Supremo de Tudo”, e que através desta união, todas nossas necessidades serão automaticamente supridas, e todos nossos ganhos serão permanentes pois são frutos de uma completa imersão vibracional na realidade una do AMOR.
Quando Krishna diz: “tomam-me por sua própria essência”, ensina que o caminho para a unificação com Deus é primeiramente a tomada de consciência sobre nossa realidade divina, nossa verdadeira essência, o AMOR.

Krishna é a expressão máxima deste AMOR que veio auxiliar Arjuna (que representa todos os devotos ou aspirantes espirituais) a atingir o estado de plenitude, serenidade e bem-aventurança, a iluminação. Este ensinamento, diz que quando aceitamos que nós também somos esta mesma essência, e mantemo-nos unidos à ela com todo o coração, recebemos tudo aquilo que necessitamos para podermos prosseguir evoluindo com confiança e serenidade, e também recebemos a garantia de que todas nossas conquistas serão permanentes pois elas são originadas na percepção da verdade, o AMOR.
Estes ganhos permanentes são nosso verdadeiro tesouro, são as virtudes que vamos despertando e colocando em serviço aos demais, e também são todas as conquistas e realizações que nos permitem expandir a sensação de plenitude e realização espiritual.
Quando meditamos, focados neste AMOR, nossa verdadeira essência, agimos de maneira coerente com estes ensinamentos e ganhamos uma considerável força para realizar nossos propósitos sejam eles quais forem.
Que nosso dia seja abençoado com a percepção desta verdade, e que nossas ações representem esta escolha de unificar as mentes e corações em um só AMOR.

Mautama Krishnarabi

This entry was posted in Ensinamentos de Krishna, Pensenes Espirituais. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta